Pesquisa

Relação por preço

Tamanho / Hectare

R$ / Hectare

Busca detalhada

Grandes negócios

Agricultura

Pecuária

Mista

Criação de camarão

Reflorestamento

Litoral / hotéis

Usinas de álcool e açúcar

PCH

Indústrias

Jazidas

Dicas e serviços

Legislação

Seguro rural

Como comprar

Como vender

Como oferecer

Notícias

Download

Relação geral em Excel

 

 

 

 Página principal    Contato

Imóveis Rurais   -  Detalhes - Referência:  64

 

envie para um amigo

Localização:

MG Conceição do Rio Verde - Fazenda OLÍMPIA / 415 AGRICULTURA 100317dc

Valor:

R$ 9.000.000,00

Dólar:

US$ 2.848.101,27        cotação do dia 24/10/2016

Euro:

€ 2.616.279,07

Sacas de soja:

118421 

Hectares:

415

Acres:

1025,48575

Alq. Paulista:

171,49

Alq.GO

85,74

R$ / Hectares:

0,00

Vocação:

Agricultura  

   

Extraordinária propriedade com área de de 215.4146 ha, sendo 109.1045 ha com 500 000 PÉS DE CAFÉ novos em início de produção. Terra de massapé. Trata-se de café fino para para ser degustado por pessoas de apurado gosto. "Café orgânico".

CERTIFICAÇÃO PELA UTZ E RAINFOREST ALLIANCE




"um café perfeito"



C A F É G O U R M E T




LOCALIZAÇÃO : SUL DE MINAS GERAIS

CERTIFICAÇÕES : UTZ CERTIFIED / EUREPGAP / RAINFOREST ALLIANCE CERTIFIED / CERTIFICA MINAS

1- INTRODUÇÃO

LOCALIZAÇÃO : SUL DE MINAS GERAIS

CERTIFICAÇÕES : UTZ CERTIFIED
RAINFOREST ALLIANCE CERTIFIED
CERTIFICA MINAS


1- INTRODUÇÃO


A demanda de consumo de café especial , também denominado "Café Gourmet", vem aumentando no Brasil e em outros países : tanto aqueles tradicionalmente consumidores de café , como nos que até num passado recente consumiam pouco café, como China e Japão.
Motivados por esta crescente demanda, alguns produtores têm procurado agregar valor ao seu produto, oferecendo ao consumidor um café de melhor qualidade.
Quando se busca produzir um café de qualidade , é necessário lembrar que a qualidade do produto, assim como no caso do vinho, depende da região onde é produzido ; mais ainda , de sub-regiões e , dentro destas de micro regiões. O denominado "terroir" , tão comentado na literatura sobre vinhos , e que conjuga solo , clima ,e topografia , limita sobremaneira , as áreas especialmente adequadas ao seu cultivo.
É evidente que , para a produção do "Café Gourmet" , não basta um "terroir" privilegiado .
São necessárias normas rígidas e apropriadas de plantio ; escolha adequada de variedades ; cuidados na colheita ; tratamento do produto pós colheita ; armazenagem adequada ; beneficio, torrefação e moagem ; empacotamento com alta tecnologia , e propósitos de sustentabilidade ambiental e social na propriedade. Este conjunto de fatores , aliado à tradição e experiência de quem o produz , determina o seu grau de qualidade.



2 - A PROPRIEDADE

Considerando os itens supracitados , descrevemos agora alguns detalhes sobre as características geográficas , fisiográficas e administrativas da Fazenda.
1 - REGIÃO : Sul de Minas Gerais
2 - SUB - REGIÃO : Carmo de Minas
3 - MICRO REGIÃO : Latitude : À 1,5 Km do Município de Carmo de Minas
4 - PEDOLOGIA : Solo Massapé de excelente qualidade.
5 - 215.4146 HECTARES TOTAL ( LEVANTAMENTO GEODESICO )
6 - 109.1045 HECTARES COM 500.000 PÉS DE CAFÉ NOVOS
7 - 30% DA ÁREA TOTAL EM RESERVA LEGAL AVERBADA
8 - AUTORIZAÇÃO AMBIENTAL DE FUNCIONAMENTO
9 - OUTORGAS DAS TRÊS MINAS DE ÁGUA MINERAL UTILIZADAS

A fazenda está delimitada por uma cadeia de montanhas formadas pelos contrafortes da Serra da Mantiqueira , com estações climáticas bem definidas e fontes de água mineral , proporcionando assim , condições ideais à produção de um café único , inigualável , e de alta qualidade.
Todas as águas que servem a fazenda , nela nascem. Os cafezais formam uma grande "taça" , onde as nascentes e vertentes internas , inclusive as águas pluviais , correm para o interior da propriedade . A única estrada de acesso aqui termina , o que restringe o tráfego à apenas local , impedindo desta forma , qualquer tipo de contaminação e / ou interferência externa.
A administração geral é exercida pelos proprietários , que residem na própria fazenda.


- OS CAFEZAIS

A Fazenda possui atualmente , 109 Ha de café arábica , plantados na linha de maior declividade , 500.000 pés de café , em altitudes que variam entre 900 e 1200 metros . Constituem lavouras novas , com plantio iniciado em 2001 , escalonado ano a ano. As variedades escolhidas são condizentes com o clima , relevo , e alta resistência a pragas e doenças.
O solo , de alta fertilidade , diminui a aplicação de adubos . O espaçamento e o alinhamento foram dimensionados de forma que a lavoura tenha boa insolação e arejamento. Há bom aproveitamento da adubação verde. Os insumos , são aplicados de acordo com estrita prescrição técnica , calçada em análises contínuas de solo e foliar.
Na Fazenda usa-se herbicida e fungicida , com muito critério , dentro das normas das certificadoras e da NR 31.
Também o controle biológico das pragas , tem permitido resultados satisfatórios. Três vezes ao ano é feito o MIP ( Monitoramento de Infestação de Pragas ) , para certificar-se de que esteja dentro dos parâmetros aceitáveis. Este processo técnico , é acompanhado também por engenheiro agrônomo da Minasul ( Cooperativa dos Cafeicultores de Varginha ) . Os tratos culturais são feitos manualmente.
Outras características dos cafezais e do café colhido :

1 - PLANTIO : 15% em 2001 ; 9,5% em 2002 ; 18% em 2003 ; 16,5% em 2004 ; 15,5% em 2005 ; 5,5% em 2006 ; 11% em 2007 ; 9% em 2012.

2 - VARIEDADES : 72,5% Catuaí Vermelho ; 25,5% Mundo Novo ; 2% Catucaí . A diversidade permite a confecção de "blends" utilizando-se das características inerentes a cada variedade .

3 - ADUBAÇÃO : Mineral , de acordo com análise química de solo e análise foliar , e adubação foliar , também levando em conta os resultados das análises acima referidas.

4 - COMBATE A PRAGAS E DOENÇAS : Controle biológico ; resultado da biodiversidade existente apoiada na sua área de 30% de Reserva Legal , em matas nativas e em recuperação. Herbicidas e fungicidas "Tarja Verde"ou "Tarja Azul".

5 - COLHEITA : Seletiva , reduzindo ao mínimo a quantidade de verde. Realizada no pano , com máquinas derriçadeiras , por funcionários com alto nível de treinamento , residentes na própria fazenda a vários anos , o que eleva o nível de comprometimento com o trabalho.

6 - TRATAMENTO PÓS COLHEITA : Após passar por abanador , lavador / separador , inicia-se a seca natural , em 1,50 Ha de terreiros revestidos , que permitem uma perfeita seca natural , ocasionando uma migração dos açucares da polpa para os grãos, resultando numa bebida mais encorpada e adocicada. Os dois secadores rotativos só são utilizados quando as condições de tempo assim exigem, ou para a seca final, seguindo a mais alta tecnologia recomendada para este tipo de seca.Estes secadores funcionam com queimadores de palha,o que garante uma seca ecologicamente correta.

7 - ARMAZENAGEM : Após atingir o ponto ideal de umidade ( 11 a 11,2% ),o café é armazenado em coco , no mínimo por 60 dias, em tulhas de madeira de lei, climatizadas pelo Sistema de Resfriamento Evaporativo , o mais econômico e sem agressão ao meio ambiente, já que o processamento de seca natural exige um repouso maior dos grãos. O período de descanso nas tulhas é importante para a homogeneização dos grãos e fixação das características da bebida , tais como : corpo ,aroma e sabor. Isto leva aos apreciadores de um bom café, o mesmo conceito dos grandes vinhos, proporcionando-lhes a descoberta de nuances de aroma e sabor, provenientes de cada safra. Ali então permanecem aguardando o benefício.

8 - BENEFÍCIO : Em maquina de última geração e classificador de 8 peneiras.

9 - PRODUÇÃO : Pelo desenvolvimento e época de plantio dos cafezais , esperam-se safras crescentes , 3.500 sacas nesta safra atual 2012 / 2013 até 4000 / 6000 sacas quando todo o cafezal estiver em franca produção. As Certificações Internacionais tem agregado ao produto final ( saca de 60 kl ) considerável facilidade e valor na venda.


4 - SUSTENTABILIDADE E MEIO AMBIENTE

1 - A Fazenda possui 66,26 Ha de Reserva Legal averbada ( 30% da área total da propriedade ) , composta por três talhões de matas com fauna abundante e uma flora com árvores nativas de grande porte , e ,ainda 9 áreas de APP ( Áreas de Preservação Permanente ) nas suas nascentes e margeando seu afluente . Estas áreas estão totalmente preservadas e reflorestadas.

2 - A fazenda funciona com "Autorização Ambiental de Funcionamento", emitida pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente .

3 - Toda a água para serventia da fazenda é captada em três minas próprias , devidamente outorgadas pelo órgão ambiental competente. As minas fornecem quantidade de água suficiente para uso doméstico e processamento do café , sendo todas elas de água mineral , qualidade esta atestada pelo Laboratório de Caracterização de Águas da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.Minas estas inclusive , com características e capacidade para exploração das águas minerais.

4 - A fazenda dispõe de sanitários construídos em alvenaria ,com água tratada , masculino e feminino , distribuídos pela lavoura , evitando desta forma , qualquer tipo de contaminação do café. Possui dez ranchos- abrigo com refeitório , próximo aos sanitários , distribuídos convenientemente por toda a lavoura , de forma que o trabalhador nunca esteja à mais de 150m de um deles.

5 - Com o objetivo de se evitar qualquer tipo de contaminação dos recursos hídricos e do produto final ( Café ) a Fazenda dispõe de uma ETE ( Estação de Tratamento de Esgoto ) , única em toda a região , que trata com muita eficiência todo o esgoto domestico da fazenda . Esta eficiência é comprovada por exames periódicos de DBO e DQO , Óleos e Graxas e Sólidos em Suspensão Totais .

6 - Já foi concluída na Fazenda, a implantação de uma RPPN Reserva Particular do Patrimônio Natural em 13 Ha de Mata Atlântica intocada.É a primeira Unidade de Conservação da Região do Sul de Minas , em fazenda de café.


5 - RESPONSABILIDADE SOCIAL

1 - Residem na fazenda 18 famílias , 90 pessoas no total .Os funcionários dispõe de boas moradias , casa forrada, com três quartos , sala , cozinha , banheiro com água potável encanada , quente e fria ,esgoto encanado, área de serviço, e garagem para carros.
Na Área de Vivência , a fazenda possui vestiários masculino e feminino onde ficam também todos os EPI S necessários às suas tarefas diárias.

2 - A fazenda dispõe de uma creche para atender crianças de 4 meses à 5 anos . O atendimento é feito de segunda à sexta feira , de 7 às 11 horas , período em que as mães trabalham na lavoura durante o ano todo . As crianças maiores de 6 anos estão todas matriculadas e freqüentes na escola. Na parte da tarde as crianças matriculadas na escola têm reforço escolar nas dependências da creche.

3 - A assistência médica é realizada por meio de convênio com o Hospital do Município de Conceição do Rio Verde.

4 - A fazenda possui uma Cipart ( Comissão Interna de Prevenção de Acidente do Trabalho Rural ) organizada e em pleno funcionamento.
A preocupação com a gestão ambiental e social é prioridade máxima na Fazenda. Sua aplicação correta é atestada e monitorada pelas duas maiores e mais importantes certificadoras internacionais : UTZ CERTIFIED e RAINFOREST ALLIANCE , e uma certificadora nacional, CERTIFICA MINAS.
A conjunção de todos os fatores citados e comentados nesta apresentação corroboram para a produção de um "Café Gourmet" especial ,um "estate coffee", com Selo de Indicação Geográfica "Região da Serra da Mantiqueira - MG".
A Fazenda recebeu um prêmio recentemente na "III Prova de Cafés Certificados" ficando em nono lugar , concorrendo com cafés certificados de todo o Brasil ,e , um prêmio internacional , também de cafés certificados , ficando em sétimo lugar. O café de apenas duas fazendas do Brasil classificaram entre os dez melhores do mundo sendo um deles o da Fazenda


DADOS COMPLEMENTARES

BENFEITORIAS


1 - CASA SEDE COM 460 M2 DE ÁREA CONSTRUÍDA COM FINO ACABAMENTO , TOTALMENTE MOBILIADA , COM PISCINA E SAUNA SECA.

2 - TRÊS CHALES PARA HOSPEDES : UM COM DUAS SUITES COM CLOSE , HALL DE ENTRADA. UM DE ALTO LUXO COM HIDROMASSAGEM , FRIGOBAR , SKY , DVD , APARELHOS PARA GINASTICA . UM DE MADEIRA ROLIÇA , ESTILO CANADENSE , BANHEIRO COM TETO EM BLINDEX.
TODOS OS CHALES TOTALMENTE MOBILIADOS. OS CHALES FICAM PROXIMO , E COM ACESSO À SEDE.

3 - COLÔNIA
19 CASAS IGUAIS , COM 60 M2 DE ÁREA CONSTRUIDA CADA UMA , FORRADAS , COBERTAS DE TELHA ROMANA , COM TRÊS QUARTOS , SALA , COZINHA , BANHEIRO COM ÁGUA QUENTE E FRIA , ÁREA DE SERVIÇO COM TANQUE, INSTALAÇÃO ELETRICA E HIDRAULICA , ESGOTO LIGADO À ETE ( ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGÔTO ).

4 - GALPÃO DO SECADOR , ESTRUTURA METÁLICA , O GALPÃO DA TULHA COM SEIS TULHAS EM MADEIRA DE LEI , CAPACIDADE 4 000 SACOS DE CAFÉ EM CÔCO , TODOS OS GALPÕES CONSTRUIDOS EM TIJOLO MACIÇO ,PAREDES DE 2 , 1/5 E 1 TIJOLO, COBERTOS COM TELHA DE ALUMÍNIO , E , TEMPERATURA CONTROLADA PELO SISTEMA DE RESFRIAMENTO EVAPORATIVO.

MAQUINÁRIOS / VEÍCULOS / IMPLEMENTOS

MAQUINÁRIOS :

1- MAQUINA DE BENEFÍCIO DE CAFÉ E CLASSIFICADOR - CAPACIDADE 100 SACOS DIA.

2 -DOIS SECADORES ROTATIVOS - PALINE-INSTALADOS COM DUAS MOEGAS AUXILIARES COM CAPACIDADE 15 000 LITROS CADA.

3 -UM ELEVADOR 12M. PARA MOVIMENTAÇÃO DO CAFÉ VINDO DOS TERREIROS ,E ENTRE OS SECADORES E TULHAS

4 - UM TAPIR COM 14M DE EXTENÇÃO PARA DISTRIBUIÇÃO DOS CAFÉS NAS TULHAS.

5 - DOIS LAVADORES - PALINE - 20 000 LT HORA

6 - DOIS ABANADORES - PALINE - 20 000 LT HORA

7 - DOIS QUEIMADORES DE PALHA PARA SECAGEM DO CAFÉ

8 - UM ELEVADOR DE 12M

9 - UM ELEVADOR DE 7M

10 - BICA DE JOGO E ELEVADOR

11 - ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGÔTO ( ETE ) CAPACIDADE 150 PESSOAS

12- UM CONJUNTO PARA APLICAÇÃO DE AGROQUÍMICOS COMPOSTO DE UM TANQUE PRESSURIZADO PARA 2200 LT. E 15 BOMBAS COSTAIS PRESSURIZADAS DA COAGRIL

VEÍCULOS :

1 - CAMINHÃO CHEVROLET CAPACIDADE 6 TON.

2 - UMA CAMINHONETE TOYOTA BANDEIRANTE 4X4 RECEM REFORMADA EM ESTADO DE NOVA.

3 - UM TRATOR VALMET 78

4 - UMA CARRETA DE DUAS RODAS CAPACIDADE 4 000 KG

5 - UMA CARRETA COM TANQUE DE 2 000 LT

IMPLEMENTOS :

1 - UMA ROÇADEIRA 1,60M

2 - UMA CARPIDEIRA KAMAC

3 - UM SUBSOLADOR

4 - UM SULCADOR


5 - UMA PLAINA TRASEIRA

6 - UMA GRADE DISCO COM 14 DISCOS TATU

7 - UMA PADIOLA 1,40X1,60 CAPACIDADE 600 KG

8 - 10 ROÇADEIRAS COSTAIS SHINDAIWA

9 - UMA ROÇADEIRA STILL

10 - UMA MOTOSERRA STILL

11 - IMPLEMENTO DE SOLDA BAMBOSI

12 - UM ESMERIL

13 - SERRA CIRCULAR

14 - 6 MOTORES ELÉTRICOS 10 HP BÚFALLO INSTALADOS

15 - 2 MOTORES ELÉTRICOS 10 HP BÚFALLO EM RESERVA

16 - 4 MOTORES ELÉTRICOS 5 HP INSTALADOS

17 - UM TRANSFORMADOR CEMIG 37 KWA

18 - UM TRANSFORMADOR CEMIG 15 KWA

19 - UM GERADOR PORTÁTIL BRANCO 1 000 VATTS

20 - UMA BOMBA DE PRESSÃO KARCHER


PREÇO EM JANEIRO DE 2013 : R$ 9.000.000,00 ( INCLUINDO BENFEITORIAS, CASA SEDE E CASAS DE HÓSPEDES MONTADAS E MOBILIADAS ,MAQUINÁRIOS , VEÍCULOS E IMPLEMENTOS )


"um café perfeito"



ENGLISH VERSION



The "terroir".

To produce high quality coffee, it is necessary to remember that the quality of the product, as wine, depends on the region where it is produced, furthermore, sub-regions, and also the micro regions.
The "terroir", as discussed in the literature of wine, which combines soil, climate and topography, limits the best areas suited to its cultivation.
Presentation

The special coffee demand, also called "Gourmet Coffee", is increasing in Brazil and in other countries, even in the traditional markets as the new ones like China and Japan.
Motivated by this growing demand, some producers add value to their product by offering consumers a higher quality coffee.


The quality determination.

Clearly, to produce the "Gourmet Coffee" more than a "terroir" is needed. Strictly regulations are necessary; specific crops; the right choice of varieties; care in harvesting, well handling product after harvest; proper storage; benefiting, roasting and grinding; packaging with high technology, and environmental proposals and social sustainability in the property. These factors, combined with the tradition and experience of those who produce it, determines its high quality.

The Farm

We now describe some geographic, physiographic and administrative details of OLÍMPIA Farm.

1 - REGION: South of Minas Gerais, Brazil.
2 - SUB - REGION: Carmo de Minas, Minas Gerais, Brazil.
3 - MICRO REGION: Less than 10 km from the city of Carmo de Minas.
4 - PEDOLOGY: Massapé soil excellent quality.
5 - 215.4146 hectares total (geodetic).
6 - 109.1045 hectares with 500.000 new coffee trees.
7- 30% of total area registered as legal reserve.
8 - Environmental authorization of operation.
9 - Three mineral water sources legally guaranteed.
The farm is surrounded by the Mantiqueira s mountains. There are well-defined seasons and mineral water sources. They increase the unique and high quality coffee ideal conditions.
All waters that serve the farm, rise in it. Coffee plantations form a large "bowl", where the pluvial flows into the interior of the property. The only access road ends inside it, which restricts traffic to the farm only, reducing external influences.

The general administration is exercised by the owners, who live in the farm. The owner, Aloysio Gomes Carneiro, agronomist (CREA 980 7th Reg D), is the technical manager. The management is exercised by the owner, Glória Olímpia Junqueira Goulart, a sociologist, who is also responsible for general administration, product identification, human resource management and socio-environmental managing in the property.

Coffee Plantations Areas
The OLÍMPIA Farm has 109 hec of Arabic coffee type. The coffee trees are planted in line following the hill declivity. There are 500,000 coffee trees which are located from 900 and 1200 meters above sea level. 15% of the trees were planted in 2001, 9.5% in 2002, 18% in 2003, 16.5% in 2004, 15.5% in 2005, 5.5% in 2006, 11% in 2007, 9% in 2012. The varieties chosen can hold the weather conditions, the hills of the Mantiqueira and they have high resistance to pests and diseases.
The coffee trees are: 62.5% Catuaí red; 25.5% New World; 12% Catucaí Yellow. This diversity allows the making of "blends" using the characteristics of each variety.

The harvest

The harvest is selective, minimizing the amount of green coffee. The harvest is done by man with specific individual machines. The employees are trained for this type of harvest and they live at the farm for many years, by the way. It raises the level of commitment with their daily work.

Soil and fertilizer

There is a high soil fertility and it decreases the fertilizer application demand. The tree by tree space and the alignment are dimensioned so the crop has a good insolation and ventilation. There is good use of natural fertilization. The inputs are used according to technical prescription, done with soil and leaf analysis.
At OLÍMPIA Farm, herbicide and fungicide are used, with careful, following the rules of NR 31 certification.
Pests and diseases control

This control is conducted following strictly laws and requirements of NR 31 certification. Fungicides, herbicides and insecticides are used carefully and according to the legislation.
It happens three times a year the PIM (Pest Infestation Moritoring) to make sure if the farm is in the acceptable parameters which depends of the treatments done.

Certifications and awards

The environmental and social management concern is the top priority at the OLÍMPIA. The correct application is certified and monitored by the two largest and most important international certification: UTZ CERTIFIED, RAINFOREST ALLIANCE and the CERTIFICA MINAS.

The combination of all the features mentioned and discussed in this homepage confirm the production of a special "Gourmet Coffee", a "Estate Coffee" with a Geographical Indication certification at the "Region of the Serra da Mantiqueira-MG".
The OLÍMPIA Farm recently received an award in the "III Prova de Cafés Certificados" being in ninth place of certified coffees from all over Brazil. There is also another international prize (7th place) of certified coffees. Only two coffee farms in Brazil were ranked in the world s top ten coffee and OLÍMPIA is on it.




Observação: A propriedade acima está sujeita a alterações ou cancelamento por ordem do(s) proprietário(s) ou seu(s)preposto(s), sem aviso prévio, ficando a OMNI Consultoria Imobiliária Ltda, livre de qualquer responsabilidade sobre as informações prestadas. É dever do comprador, no seu interesse, averiguar a documentação do imóvel desde a sua origem, verificar a averbação da reserva legal na escritura e conferir a autenticidade do georeferenciamento junto ao órgão competente.

Para solicitar maiores informações:
e-mail: diretoria.omnibiz@gmail.com

fone: 0 xx 61 9214-1234 TIM 
  /   61  9906-8900  VIVO 



clique na foto para ampliá-la

   

E-mail diretoria@omnibiz.com.br Fones: (61) 9211-1234 MSN:omnibiz@hotmail.com  Usuário SKYPE: omnibiz